PORQUE O GOVERNO DIREITISTA PÕE A POPULAÇÃO CONTRA OS FUNCIONÁRIOS PÚBLICOS? ENTENDA

 A MANIPULAÇÃO DOS POLÍTICOS DEPENDE DA FRAGILIDADE DO SEU POVO

A situação não está nada boa, pra ninguém. Tanto pra quem vai trabalhar e se expõe, quanto pra quem fica em casa, não pode trabalhar e ganhar o pão de cada dia. 

Meus Deus! o que faremos então? 

Muitas pessoas falam mal dos servidores públicos pelo fato de mesmo em casa ou no trabalho, continuam ganhando o seu dinheiro e não podem ser demitidos. Pessoal, vamos pensar um pouco. O funcionário público é um trabalhador como outro qualquer, porém tem algumas "regalias" ao qual a população questiona. Mas todos têm a possibilidade de se tornar um servidor público, apesar de saber que não é fácil e muito menos simples, pois em um país em que os governantes não priorizam a educação, as chances da maioria da população ao menos chegar próximo de passar em um concurso público, são mínimas.

Mas não podemos nos tornar inimigos por não conseguirmos essa façanha de passar em um concurso público. Ou então, dessa forma todos os pobres têm que odiar quem é rico e/ ou privilegiado na sociedade capitalista, pelo fato de não ter tido a sorte em nascer no berço de ouro. A verdade não é bem essa, então precisamos pensar um pouco antes de emitir uma opinião de ódio.  

Infelizmente os gestores públicos estão pondo o povo contra quem os serve. Ao invés de unir-se com o funcionalismo público em prol da população, os políticos fazem o contrário e transformam o Brasil em um lugar de batalha ideológica e põe a população carente do país contra o servidor público, ainda mais sabendo que é a parcela da sociedade que mais necessita dessa categoria.


VOCÊ SABE POR QUE O FUNCIONÁRIO PÚBLICO TEM A TÃO SONHADA ESTABILIDADE? QUER SABER O MOTIVO?


Vou lhes falar agora e espero que entendam. Foi decidido, lá atrás há muitos anos, que o funcionário público necessitava de uma proteção contra gestores, políticos corruptos e a forma de protegê-los foi exatamente não deixá-los a mercê dessas pessoas que sempre


quiseram utilizar a máquina pública para benefício próprio. 

A estabilidade é exatamente a garantia de condições necessárias para que o servidor público possa desempenhar suas funções sem pressão política ou de algum grupo econômico, por exemplo. Dessa maneira, trás mais segurança e menos risco ao desemprego, que em tempos de crise econômica afetam a todos e alguns grupos oportunistas se valem dessa situação.

Imagina senão existisse a proteção da estabilidade empregatícia dos servidores públicos? Será que os pobres e pessoas que mais necessitam do serviço público seriam beneficiadas? Claro que não, pois o interesse e direcionamento da máquina pública seria de acordo com cada governo. Estaríamos nas mãos deles.

Para se adquirir a tão sonhada estabilidade profissional no funcionalismo público hoje, é necessário prestar e ser aprovado em um concurso público. Após isso é preciso mais três anos de probatório e somente após essa etapa terá a conquista que qualquer trabalhador gostaria: a estabilidade.

Veja bem, esta é a forma mais correta e idônea de um pais democrático obter servidores públicos de qualidade a serviço da população. Pois, imaginem se algum político tivesse a possibilidade de montar equipes de servidores em ambientes estratégicos e manobrasse a máquina pública a seu bel prazer  e a que lhe convém. Mais, imaginem colocar qualquer pessoa conhecida e até familiares para trabalhar no funcionalismo público somente para ajudar essas pessoas. Hoje muitos fazem isso com os cargos comissionados e que estes servidores comissionados praticamente trabalham para quem os coloca lá dentro.

Esse é o cenário que os vereadores, deputados, senadores e até o próprio presidente querem para o Brasil. Controle total e pensando apenas em si e em um pequeno grupo que, com certeza não faz parte do povão que sofre com a corrupção.


ENTENDA AGORA NO EXEMPLO ABAIXO A IMPORTÂNCIA DA ESTABILIDADE NO SERVIÇO PÚBLICO PARA A SOCIEDADE

Ocorreu um caso no Tribunal de Contas no Estado de Mato Grosso (TCE-MT) entre os anos de 2012 e 2015. Auditores fiscais identificaram no próprio tribunal  um desvio de mais de R$137 milhões por meio de contratos de Tecnologia da Informação. 

Os dados sugerem que o esquema nasceu, primeiro, na Assembleia do Estado e migrou para o TCE, órgão em que parte dos Conselheiros titulares já foram deputados. 

Neste caso, sem a estabilidade empregatícia, os auditores fiscais poderiam ficar receosos de investigar o caso por medo de ser



demitido
. Assim podemos perceber o quanto é importante a

estabilidade do servidor público para a própria sociedade, ter autonomia de trabalho.

Neste caso os auditores fiscais descobriram que treze contratos feitos pelo TCE possuíam irregularidades que resultaram em superfaturamento. Assim a denúncia foi lavrada e aberto uma investigação mais aprofundada para punir os culpados.

Vejam bem, se por ventura não existisse uma segurança para esses servidores públicos, alguém acha que seria aberto sequer alguma investigação? Provavelmente não, pois ninguém quer virar um mártir para a sociedade e deixar a sua família desamparada.

Isso demonstra apenas um exemplo do por que, lá atrás, na nossa história, foi debatido esse benefício tão criticado pelos políticos e agora pela população desinformada que precisa entender melhor o porque das coisas.

Isso serve para todos os servidores públicos, desde o amis alto ao mais "insignificante" se podemos chamar assim alguém. Pois em qualquer setor ou área, sempre tentarão o tal jeitinho brasileiro e o servidor precisa dessa segurança para cair em chantagens demissionais de gestores corruptos.

ENTENDA O OBJETIVO DOS POLÍTICOS CORRUPTOS DO BRASIL

A parte suja  da política brasileira quer que o povão - principal beneficiado com o funcionalismo público-, acreditem nas mentiras expostas por eles sobre o funcionalismo público. Retiram toda a importância dessa conquista dos brasileiros, sendo que o que mais demonstram nas mídias são maus servidores públicos em ação. Mas esquecem-se que funcionários ruins, de má índole existem em todos os lugares, em todas as categorias e em empresas, instituições privadas, têm aos montes. 

Então isso não é bem a questão. Cabe ao povo ser inteligente no sentido de observar e desvendar a artimanha dos lacraios, bandidos, travestidos de políticos com ideias retrógadas, que um dia foi combatida em um passado não tão distante. Infelizmente essas pessoas contam com a memória curta do povo sofrido da sociedade brasileira, além da desinformação e utilizam isso a seu favor.

Pessoal, em casa ou no trabalho, estejam sempre com Deus. A cima de tudo e qualquer ideologia política, sempre ponham Deus à frente. Em caso de dúvidas ou discordância por qualquer que seja o motivo, comentem abaixo e fiquem à vontade.


Abraço a todos. Paz e Bem! 



NOTA: As informações acima, sobre o caso no Tribunal de Contas no Estado de Mato Grosso (TCE-MT) entre os anos de 2012 e 2015,  foram retiradas do jornal A Gazeta.







PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Publicidade de apoio ao nosso Blog. Adquira algum desses produtos e apoie também.

AS MAIS LIDAS

MAIS VISITADAS

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE
LIVRARIA DIGITAL